segunda-feira, 29 de março de 2010

Inércia

Raios primeiros
de sol
em segundos
são muitos...

Luz
bom dia
dia
dia
dia

Vento
luz
dia

Folhas no chão
carros
carteiro
padeiro
jardineiro

Bom dia
dia
já é sol
do meio dia

Pratos
largos
garfo cheiros
do vizinho

Cão que ladra
eu não durmo
raiva
sono

Mãe que liga
o dia
inteiro

Livros
cursos
idéias-água

Foi o dia
e eu
nada!

2 comentários:

Ari Pedro disse...

Amanda poeta!!!!

simplesmente genial!!!!

seu amadurecimento está cada vez mais nítido

bjs

AMe disse...

mulher, tu manda muito bem... poesia que tira riso do olhar.


.amandas amam amandas somos.